quinta-feira, agosto 19, 2010



taca o foda-se, Roberto. taca aí o refrão, Juceli: "pau no cu e que se foda". que se foda - porra nenhuma a subordinação absoluta do indíviduo naquela peruca rídicula que a dilma roussef usa. ela julga, ordena, e o brasileiro de quatro tem a janta empurrada. uma simples homenzarrona pseudovivente sodomizada pela globo. e o jÓvem babaca brazuca bobóide? fã de twitter, facebook, simplesmente um porra nenhuma assanhado. não respeitam mais nem o autoclichê. rebanho de ovelhas anarfas - sem cor, sem espírito, sem cu, sem picles, sem gasto de energia bucética. público monótono de hienas alucinadas surfando na mesma merda fresca, chimarrão de almoço. cofre, caralho, cascalho, buceta. é pique.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

OUVINDO HARDCORE E LENDO ESCRITORES BRASILEIROS E DO TIO SAM

As pessoas estão sem coragem.  As pessoas brincam verbalmente nas redes sociais perpetuando o lado cômodo da vida.  Já é uma bela bos...