segunda-feira, junho 18, 2012

QUEM?



Era uma banda apoiada nos teclados. "Soam como pianos etéreos" arriscava Jico, o tímido. E os rapazes traziam aos jovens sedentos por melodrama indie suas memoráveis melodias (uma espécie de Roupa Nova gringo das futuras vovós). Apoiadas na força de um reverb crescente, as doces almas ouvintes, tão sensíveis, voam até  conquistar o gradativo apogeu - sempre amparadas por aqueles refrões de tremer estádio. E pelas arquibancadas da vida, uivos e lamentos  elevam-se aos céus de prata, para desespero do Fábio Júnior. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

OUVINDO HARDCORE E LENDO ESCRITORES BRASILEIROS E DO TIO SAM

As pessoas estão sem coragem.  As pessoas brincam verbalmente nas redes sociais perpetuando o lado cômodo da vida.  Já é uma bela bos...