sábado, novembro 10, 2012

Sábadão na loja de instrumentos.




Gosto de soul e funk de verdade. Dos baixistas que atacam seus baixos com fúria, punch e feeling. E abomino essa merda de slap genérico, slap de teta. Principalmente vendo esses branquelos bunda-mole se masturbarem com uma técnica idiota, que gera um som igualmente patético. Os robôzinhos mimados e seu groove tonto de churrascaria disputam em pé de igualdade com um cajón qual sonoridade é mais irritante e imbecil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Eu espero acordes que não desistam de cocainar meu dia, mesmo quando já nasceu morto. Espero notas que não apliquem a tortura do t...