terça-feira, maio 21, 2013

ISTO É LUXEMBURGO


Luxemburgo ainda é técnico do Grêmio.

Afinal, a multa rescisória é altíssima.

E ninguém quer o Grêmio.

Nem o Mano Menezes, que pelos seus vastos aposentos, amparado por seu travesseirinho, sonha treinar em solo europeu.

Luxemburgo só torrou grana e não ganhou bosta nenhuma.

Obteve aproveitamento de 50% em 2013.

Foram 10 épicas derrotas.

E  o que mais?

Vandeco foi:

Eliminado na semifinal do Campeonato Gaúcho pelo Juventude.


Caiu na semifinal do competitivo "gaúchão" pelo segundo ano consecutivo.

E o que mais?


Vandeco foi:

Eliminado na Libertadores pelo Santa Fé. Por quem?

Pelo Santa Fé, acredite.

Os colombianos carrascos, que avisaram a imprensa: "vamos comer os gremistas."

Desgostosos, dirigentes gremistas haviam sumido com os jornais do hotel.

E não adiantou.

Como prometido, a resposta em campo foi dada: os colombianos comeram os gremistas.

O Grêmio chorou.


E tanto dinheiro gasto foi pro lixo.

Os colombianos, que tanto conhecem as narinas do Luxa, aprontaram mais uma.


Assim como o Milionarios, na Copa Sul Americana do ano passado.


LOSER


Luxemburgo é um loser.


Em oitenta anos de profissão, não sabe o que é levantar uma Libertadores.



E a diretoria do Grêmio anunciou o mais patético.

Luxa fica.

Mas deu-lhe uma bronquinha.

Porque disse que o professor passa boa parte do tempo cuidando de sua mais nova paixão.

Luxemburgo passa boa parte do dia em sua nova loja de vinhos, em Porto Alegre.

E isso não é legal.

Escolha um brinquedo de cada vez, Vanderlei.


O Prófi já brincou de jogador anônimo, dirigente, empresário picareta  (procurado pelos tiras) e de nariz de Chico Anísio.


Enfim, esta é uma grande notícia para os anti-gremistas.



Até o Zeca Baleiro acha ele "um embuste". "Só treina time 'Milionário' e...".

Porra, até o Zeca Baleiro.



Mas não só ele.



Pessoas mais bacanas também o criticaram.

Inclusive o PVC. Grande comentarista esportivo, PVC já chamara-o indiretamente de antiquado, em termos táticos.


Loser não gostou.

De mandíbula em fúria, abriu uma garrafa de Chapinha importado.

Aprumou-se no terno limpinho, acionando o telefone sem fio. Com voz imperativa, Luxa liga então para um ex-boleiro, um glorioso traficante habilidoso.




Luxemburgo não fala mais com PVC.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ROCK NA ROÇA

O que me empolga numa cidade ananias são as pessoas. A trutagem é o céu da roça, que resiste ao peso dos dias. Caminhar, caminhar n...