quinta-feira, junho 13, 2013

CHOCOLATE AMERICANA'S

Na época ele não estava empresariando os Bee Gees. 

Quando chegou em casa, tratou de subir as escadas. Colocou o suéter prata. Em seus aposentos, no aconchego da alcova, era muito mais garboso. 


Encarando-se no espelho, disse: "EU MEREÇO". 

Da cintura pra baixo, estava nu. E então, aconteceu.

Num esforço extravagante, começou a desfilar cagando em pé. Esquerda-direita, os pés, a merda em cachoeira constante, da sala até a cozinha. Corria aceleradinho agora.  Por trás dele, o riacho fecal denunciava fartura, e da cozinha até o quarto de hóspedes agora. 

Os rastros de bosta eram como chocolate Americana's, só que estragado. 





E então ele colocou os dois pés dentro do aquário, glub glub, de lá de dentro ele via as pessoas disputarem hashtags.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

ROCK NA ROÇA

O que me empolga numa cidade ananias são as pessoas. A trutagem é o céu da roça, que resiste ao peso dos dias. Caminhar, caminhar n...