segunda-feira, abril 06, 2015

Iron Maiden - Phantom Of The Opera







Phantom of the Opera!



Essa pedrada produz um dos finais mais fuzilantes que você merece.



Escrever que é épico é pouco.



Mexe malucóide com sentido sentimento.



Alavanca o ânimo, ruge alto aquela raiva empolgante, aquela escalada aos estados do esquecimento desse mundo objetivo tão ordinário.



Abobalhada, a alma transpira em ogra gratidão.



E, aos poucos, o espírito é tomado da brutal loucura que nos transforma numa bomba adolescente sem fim a voar eternamente em câmera lenta, enfim.



ps: dedicado aos irmãos Hebert Nascimento e Lazaro Lopes e todos os outros seguidores da donzela de ferro, especialmente em seus primeiros e destruidores discos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

OUVINDO HARDCORE E LENDO ESCRITORES BRASILEIROS E DO TIO SAM

As pessoas estão sem coragem.  As pessoas brincam verbalmente nas redes sociais perpetuando o lado cômodo da vida.  Já é uma bela bos...