sábado, agosto 29, 2015

o conto sumiu


porra, ontem brotou o esboço, seria um conto e tanto, bem tonto.

mas hoje sumiu. lembrei agora que sumiu de novo. e de repente some mesmo. e se sumiu, sumiu sem velocidade, tem que sumir de ar sério, sem chance eu acho que era o céu de merda explodindo bem no meu cabelo grudento, sumir é sensacional, sumiu, explodiu em bosta, olha aí, os pequenos contos prezepando a pobre senhorinha toda curva comprando abacaxi no pão de açúcar em 1992, masmorra repleta de ruffles afunda o teclado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

OUVINDO HARDCORE E LENDO ESCRITORES BRASILEIROS E DO TIO SAM

As pessoas estão sem coragem.  As pessoas brincam verbalmente nas redes sociais perpetuando o lado cômodo da vida.  Já é uma bela bos...